Suspeito de matar a própria filha de 1 ano com golpes de faca é espancado por vizinhos e morre na delegacia

Um homem de 35 anos morreu dentro da delegacia, algumas horas após ser preso por matar a filha de 1 ano a facadas e ferir a mãe da criança. O caso ocorreu na madrugada desta segunda-feira (06), no bairro Unamar, em Cabo Frio, no Rio de Janeiro. De acordo com familiares, ele é portador de problemas psicológicos. As informações são do Jornal Extra.

A menina não resistiu aos ferimentos e a mulher foi ferida na mão. Após ouvirem gritos das vítimas, um grupo de pessoas, que moram no mesmo bairro, invadiram a casa e agrediram o homem a pauladas, socos e até golpes de uma pá.

O suspeito chegou a ser socorrido por policiais e por uma equipe do Corpo de Bombeiros e levado para um hospital da região e, depois, transferido para a 126ª DP, onde foi autuado em flagrante por homicídio e por tentativa de homicídio.

Segundo a polícia, o acusado começou a passar mal por volta das 5 horas da manhã, quando presos, que estavam na mesma cela chamaram os agentes para avisar. Ele ainda foi socorrido por uma equipe de Bombeiros, mas acabou morrendo. Agora, os investigadores aguardam o resultado da autópsia, que vai indicar o que causou da morte do homem.

Se o espancamento for identificado como causador da morte, o caso será investigado como homicídio.