Produtor rural é preso com veículo clonado na zona rural de Nova Venécia

Ele portava uma pistola calibre .380 no momento da prisão. A arma estava registrada e o produtor tinha o porte, disse o Comandante do 2º Batalhão.

Um produtor rural e comerciante foi preso pelos Militares do 2º Batalhão na tarde desta quarta-feira (10) na zona rural de Nova Venécia, na posse de um veículo com placa clonada. A operação foi deflagrada pelos Agentes do Serviço de Inteligência (P2) e Militares do Destacamento de Cedrolândia (DPM).

Segundo o Comandante do 2º Batalhao, Tenente-coronel Mário Marcelo Da Col, os Militares realizavam levantamentos objetivando desarticular uma quadrilha que vinha atuando na comercialização de veículos irregulares na região de Nova Venécia, Barra de São Francisco e Águia Branca. Dois corollas já haviam sido recuperados na ultima quarta (3), disse o Comandante.

Durante as diligências, os Militares descobriram que o suspeito de 37 anos, estava na posse de uma picape Fiat/Strada Working e que o veículo era produto de origem criminosa. De posse das informações, os Militares deslocaram ao Córrego do Café, divisa entre os municípios de Nova Venécia e Águia Branca e após buscas na região localizaram o produtor e o veículo.

Ao averiguar no banco de dados a procedência da picape, foi constatado que a placa era clonada e o veículo era produto de furto/roubo. Durante a abordagem os Militares encontraram com o produtor uma pistola calibre .380 com 13 munições.

O acusado, o veículo e a arma foram encaminhados à Delegacia de Polícia Civil de Nova Venécia. O homem possuía porte e o registro da arma.

Segundo o Comandante, ao ser detido o produtor contou aos Militares que ele havia adquirido o veículo em troca de três blocos de granito.