Polícia Civil prende casal que vendia doces com maconha

Casal suspeito de fabricar brigadeiro contaminado de maconha

A Polícia Civil, por meio do Departamento Especializado em Narcóticos (DENARC) de Vitória, prendeu um casal suspeito de crime de tráfico de drogas e associação ao tráfico na noite de quinta-feira (11). M.P.R, de 22 anos, e L.V.A, de 23 anos, foram presos em flagrante na Rua da Lama, no bairro Jardim da Penha, município de Vitória.

O delegado titular da segunda Delegacia Especializada em Narcóticos, Diego Bermond, informou que os detidos são suspeitos de fabricar doces de brigadeiro contaminados com maconha e de vender na região da Rua da Lama, próximo à Universidade Federal do Espírito Santo e de uma escola privada de ensino fundamental e médio. “A ação foi um desdobramento da operação Anjos da Lei e teve início após o recebimento de uma denúncia anônima, na segunda-feira (8), sobre uma mulher que vendia doces de brigadeiro com maconha na região da Rua da Lama”, relatou o delegado.

Os detidos estavam com uma vasilha contendo 36 doces com maconha, sendo que a mulher estava com sete fardos de leite condensado e uma porção de 24 gramas da substância entorpecente. Os policiais foram até a residência do casal e encontraram uma balança de precisão, e uma tigela e uma panela contendo brigadeiro, além de R$ 346,00 reais e US$ 5,00.

Os doces apreendidos foram encaminhados imediatamente para exame laboratorial, tendo sido constatada a contaminação por maconha. Ambos os suspeitos foram autuados por tráfico de drogas e associação ao tráfico, e encaminhados ao Centro de Triagem de Viana (CTV).