Mãe é presa ao tentar trocar bebê por barracão

Os militares abordaram a mulher, que confessou que era Cíntia, a mãe da criança, e que daria o recém-nascido a Everluce

Duas mulheres foram presas em Várzea da Palma, no norte de Minas Gerais, a 308 km de Belo Horizonte, por tentar negociar a troca de um recém-nascido por um barracão.

No último sábado (31), Cíntia Alves dos Santos Rosa, de 30 anos, deu entrada em um hospital particular da cidade em trabalho de parto. Com complicações o menino foi encaminhado para o Pronto Atendimento em um hospital público.

A mãe foi até o local, mas se identificou como Everluce Alves Lopes, de 46 anos, tendo apresentado a documentação de outra mulher na portaria da unidade de saúde. A situação chamou a atenção de funcionários do hospital, que acionaram a polícia.

O Conselho Tutelar disse que já havia recebido uma denúncia de que a mulher queria entregar o filho em troca de um barracão, localizado no bairro Princesa, em Várzea da Palma. As duas mulheres foram autuadas pelo crime de falsidade ideológica, foram detidas e encaminhadas ao presídio da cidade. O bebê, por enquanto, fica aos cuidados do Conselho Tutelar.

Fonte: Folha Vitória