Homem vai comprar maconha, é confundido com traficante rival e leva tiro

Um jovem, de 21 anos, levou um tiro na noite de sexta-feira (19), mas só decidiu procurar o hospital na manhã deste domingo (21). Segundo a vítima, o tiro foi disparado quando ele entrou na invasão do bairro São Diogo, na Serra e não tirou o capacete e nem desligou o farol da moto.

A vítima informou aos investigadores do Departamento Especializado de Homicídios e Proteção a Pessoa (DHPP) que o crime aconteceu por volta das 22h, da sexta-feira (19) , quando ele foi ao local comprar maconha.

No entanto, por não ter desligado o farol da moto e não ter tirado o capacete acabou confundido com traficantes rivais e os bandidos da região abriram fogo contra ele, que foi atingido por um tiro no ombro esquerdo.

De acordo com os investigadores, a bala entrou pelo ombro e saiu pelas costas da vítima. O jovem abandonou a moto no local do crime e fugiu para casa. O irmão da vítima foi quem buscou o veículo no dia seguinte.

O jovem informou aos policiais que não procurou o hospital de imediato porque acreditou que fosse se curar do ferimento o tratando em casa.

Entretanto, na manhã deste domingo, ele acordou sentindo fortes dores no braço esquerdo, além de sentir essa parte do corpo gelada. Por essa razão foi até o hospital Jayme Santos Neves, na Serra, onde está internado